TETO DE GASTOS NÃO ESTÁ SEGURANDO A FARRA NO JUDICIÁRIO; ALGUNS SALÁRIOS ULTRAPASSAM R$ 100 MIL/MÊS

TETO DE GASTOS NÃO ESTÁ SEGURANDO A FARRA NO JUDICIÁRIO; ALGUNS SALÁRIOS ULTRAPASSAM R$ 100 MIL/MÊS

Quem sustenta os Três Poderes: Legislativo, Executivo e Judiciário é o contribuinte, só que nossos representantes nessas Instituições não estão respeitando, como sempre, o dinheiro do pagador de impostos.

O Judiciário, por exemplo, ultrapassa os salários para magistrados previsto no teto constitucional, sendo esse R$33.763, mais do que suficiente para viver acima da média dos brasileiros.

No ano passado, a Justiça brasileira custou R$175 bilhões, quase 270% a mais que em 2015, como informa o Correio Braziliense. E segundo o CNJ, Conselho Nacional de Justiça, o valor é quase todo utilizado para pagamento de salários.

Apenas os Desembargadores do Tribunal de Justiça de São Paulo recebem mensalmente quase R$100 mil de salário. Um absurdo diante do rombo que existe nas contas públicas, estimado em R$185 bilhões.

Parece que nossos profissionais do Judiciário não estão preocupados em contribuir para os cofres públicos se recuperarem.

 

Fonte: Tribuna da Internet

 

Compartilhe:

Sobre o Autor

Talvez você também goste

Destaques 0 Comentários

FRACASSA TENTATIVA DE CANDIDATURA ÚNICA PROPOSTA PELO CENTRÃO

Uma reunião convocada pelo advogado Miguel Reale Júnior, que incluiria Geraldo Alckmin, Álvaro Dias, Marina Silva e Henrique Meirelles, foi cancelada, ontem, na última hora. O encontro havia sido combinado

Política 0 Comentários

TAQUES TENTA APAGAR OUTRO INCÊNDIO, DESTA VEZ SEM OBSERVAR A REALIDADE

Mesmo que o governador Pedro Taques (PSDB) tente, ele próprio, se convencer de que o seu vice Carlos Fávaro (PSD) não será candidato ao governo e nem se aliará à

Notícias 0 Comentários

FNL DE JOSÉ RAINHA ARTICULA PLANOS DE INVASÃO DE FAZENDAS EM RONDONÓPOLIS E NO MT

A FNL ( Frente Nacional de Luta) comandada pelo  ex-líder do MST, José Rainha Júnior, condenado a 31 anos e cinco meses de prisão pela Justiça Federal de São Paulo.