Sanear inaugura unidade de atendimento no Jardim Atlântico

Sanear inaugura unidade de atendimento no Jardim Atlântico

O Serviço de Saneamento Ambiental de Rondonópolis – Sanear, dando continuidade às ações de melhorias na prestação de seus serviços em Rondonópolis, vai inaugurar nesta segunda-feira, 3 de agosto, uma nova Agência de Atendimento ao Cliente, no bairro Jardim Atlântico.

Com a instalação desta nova agência, o Sanear deve atender uma população de 100 mil pessoas que residem nos bairros próximo ao da unidade. No local, os serviços oferecidos ao cliente seguem os procedimentos e padrões oferecidos em todas as outras unidades da autarquia.

Dentre os inúmeros serviços e facilidades que a agência proporcionará pedidos de ligação de água e esgoto, revisão e parcelamento de contas, alteração de titularidade, dentre outros. Além disso, nesse espaço, o público poderá esclarecer dúvidas e obter folhetos informativos.

A Unidade do Jardim Atlântico funciona de segunda a sexta, das 7h às 17h, na Rua Manoel Bandeira – Jardim Atlântico. Além da nova agência, o Sanear conta com os atendimentos on-line, disponíveis no site www.sanearmt.com.br, via telefone 0800 647 2442 e Whatsapp 9 9984.9090, além do atendimento nas agências da Vila Operária, Centro e Parque Universitário.

Assessoria

Sobre o Autor

Talvez você também goste

Notícias 0 Comentários

CUIABÁ PODERÁ GARANTIR VAGA DE ESTADUAL PARA JUCA DO GUARANÁ

Em pesquisa divulgada na manhã desta segunda-feira (09/07), em diversos sites de MT, o Instituto Segmenta apresentou os números para a corrida para a formação da Assembleia Legislativa. Os números

Mato Grosso 0 Comentários

JBS PAGOU PROPINA A SILVAL BARBOSA E SECRETÁRIO DO MT

Silval Barbosa e seu grupo político, incluído o secretário Pedro Nadaf, embolsaram aproximadamente R$ 40 milhões em propina da JBS, em troca de benefícios fiscais para os frigoríficos do grupo.

NEPOTISMO DE BOLSONARO É COMO LENDA DO TESOURO NO FIM DO ARCO-ÍRIS

Após Jair Bolsonaro, ter a coragem de expor sua posição sobre a Globo, dizendo que, eleito, irá reduziria a verba de publicidade do governo destinada a Globo a 40% do total.