Rede de Farmácias que vendia máscaras com preço abusivo é alvo de operação no Ceará

Rede de Farmácias que vendia máscaras com preço abusivo é alvo de operação no Ceará

Em Fortaleza, uma operação da Polícia Civil do Ceará apreendeu ontem 50 mil máscaras hospitalares que estavam sendo comercializadas a preços abusivos em uma rede de farmácias. O alvo da Operação Careza, que contou com a participação do Ministério Público do Ceará (MP-CE), foi a rede de farmácias Droguista Cearense.

O preço de uma caixa com 50 máscaras era de R$ 10, com valor unitário a 20 centavos, mas estava sendo vendida a R$ 180 (R$ 3,60 a unidade), quase vinte vezes o preço de mercado.

Além das máscaras hospitalares, os investigadores apreenderam documentos, papéis, anotações, objetos, computadores, aparelhos de telefone celular, smartphones, notebooks, tablets, aparelhos eletrônicos com capacidade de armazenamento, e arquivos em meio magnético ou óptico.

A busca pelo material cresceu bastante desde o avanço da pandemia de coronavírus pelo mundo. No Ceará, um dos estados mais afetados pela doença no Brasil, a escassez de máscaras gerou uma busca pelo item nas farmácias desde o início de março.

Redação com Meio

Talvez você também goste

Política

PSDB quer Rodrigo da Zaeli na disputa pela Prefeitura de Rondonópolis

O diretório municipal do PSDB em Rondonópolis, reunido na noite desta quinta-feira (27), confirmou a pré-candidatura do vereador e empresário Rodrigo da Zaelli, a prefeitura nas eleições municipais de outubro.

Notícias 0 Comentários

SUPREMO DIVIDIDO SOBRE OS VAZAMENTOS CONTRA MORO

Após os últimos vazamentos de mensagens trocadas entre a Lava Jato e o ex-juiz Sergio Moro Há uma ala da corte que a despeito de críticas emitidas por colegas, está

Destaques

Justiça Federal suspende decreto que incluiu igrejas e casas lotéricas como ‘serviços essenciais’

A 1ª Vara Federal de Duque de Caxias suspendeu a aplicação do decreto de Bolsonaro que incluiu igrejas e casas lotéricas como serviços essenciais e que, portanto, poderiam funcionar normalmente