QUEIMADAS:“FOGO AMIGO” PODE SER A CAUSA DE INCÊNDIO NA RESERVA TADARIMANA

QUEIMADAS:“FOGO AMIGO” PODE SER A CAUSA DE INCÊNDIO NA RESERVA TADARIMANA

A fumaça que já toma conta de praticamente toda a cidade Rondonópolis, e começa a trazer prejuízos à saúde da população como problemas respiratórios, tosse, dor de cabeça e irritação nos olhos, principalmente aos moradores de bairros  mais próximos da mata da reserva indígena Tadarimana.

O corpo de bombeiros e a secretaria municipal de meio ambiente (semma), tentam controlar e extinguir o fogo e já recebem reforços para conclusão do combate aos  focos.

No entanto a pergunta que todos fazem, é como surge esse fogo espontâneo na reserva e quem seriam os responsáveis?

Uma olhada em alguns estudos pode trazer a evidencia da resposta, seria o chamado Fogo amigo o responsável?

Fogo amigo é a prática indígena de queimar grandes áreas de cerrado. Pesquisadores garantem que a prática de queimar grandes áreas de cerrado adotada por nativos há séculos – é benéfica para o bioma.

O fogo e o povo indígena

Essa questão começou a ser mais apontada, pelo fato de que, desde 2007, os índios xavantes, no Mato Grosso, têm queimado cerca de 370 mil hectares de cerrado, ou 83% da área total da reserva federal em que estão. A motivação dos índios é a de caçar animais, que ficam acuados com as chamas e se desgarram dos grupos, facilitando a caça.

Função do fogo para vários povos indígenas

Além dos xavantes, os crahôs, os caiapós e os canelas também utilizam o fogo para: rituais religiosos, tratamento de terra de plantio e caçar. As queimadas são feitas sempre de forma controlada e estratégica, e o processo se dá da seguinte forma: é feito um círculo de fogo, extensivo por uma grande área e aguardam os animais começarem a fugir.

O produto da caça é levado a casamentos, e também a ritos de passagem do jovem para a vida adulta.

O fogo e o cerrado

O bioma do cerrado, especificamente, convive bem com o fogo. Desde as árvores, com grossos troncos, passando por frutos, com cascas resistentes, mostra que toda a vegetação é capaz de apresentar grande resistência. Inclusive, são áreas muito abertas, suscetíveis à incidência de raios, que acabam provocando queimadas naturais. Por isso, o fogo amigo promove renovação no solo.

Assim, o bioma se adaptou às queimadas. As árvores têm troncos grossos resistentes ao calor e muitos frutos têm invólucros que protegem as sementes de altas temperaturas.

Desta forma as queimadas constantes, em terras indígenas podem ser fruto de uma prática natural  para os indígenas, que trás consequências inimagináveis para aqueles que não tenham a mesma interação cultural.

 

Redação

Sobre o Autor

Talvez você também goste

Mato Grosso 0 Comentários

ENQUANTO TAQUES PAGA EM DIA, GOVERNADOR DO RJ DIZ QUE QUITARÁ SALÁRIOS DE MAIO, JUNHO E JULHO ATÉ DIA 18

O governo do Rio promete quitar até sexta-feira da próxima semana (18) os salários integrais de julho para todos os servidores ativos, inativos e pensionistas do Estado. Também serão pagos

Notícias 0 Comentários

ÍNDIOS PROMETEM MANIFESTAÇÃO NA SEDE DO SANEAR POR FALTA DE AGUA POTÁVEL NA ALDEIA

Os índios da aldeia Pobojare na reserva indígena Tadarimana em Rondonópolis estão programando uma manifestação na sede do Serviço de Saneamento Ambiental de Rondonópolis nos próximos dias. Segundo a cacique

RONDONÓPOLIS 0 Comentários

OPERAÇÃO SETRAT: 28 MOTORISTAS SÃO AUTUADOS POR TRAFEGAREM NO PERÍMETRO URBANO COM CARRETAS E CAMINHÕES EM RONDONÓPOLIS

Vinte oito motoristas de carretas foram autuados por agentes de trânsito da Prefeitura de Rondonópolis por trafegarem no perímetro urbano irregularmente, durante Operação Vagalume, realizada na noite de quinta-feira (14).

1 Comentário

  1. Luiz Salles
    setembro 03, 11:55 Responder

    Excelente matéria até que enfim alguém tendo coragem de dizer que o fogo tem seus benefícios e os índios sabem disso o FOGO é o mais eficiente controle do CARRAPATO que é um parasita transmissor de doenças e causador de grandes prejuízos ao CERRADO BRASILEIRO
    Quando os cerrados não tinham a INTERFERÊNCIA DO HOMEM a natureza se encarregava de controlar as queimadas e o meio ambiente vivia muito bem tanto a FLORA como a FAUNA
    OS PIONEIROS devem se lembrar bem como era aqui no MATO GROSSO até a década de oitenta onde as queimadas aconteciam todos os anos e os cerrados erram cheios de animais hoje só está sobrando os que são resistentes ao carrapato
    DESAFIO os desinformados defensores da natureza para fazerem uma caminhada as margens de nossos rios para ver se suportam os carrapatos

Deixa uma resposta