“Pulso firme” – Pelo menos 6 Cidades de MT implantam toque de recolher e barreiras sanitárias no combate ao COVID-19.

“Pulso firme” – Pelo menos 6 Cidades de MT implantam toque de recolher e barreiras sanitárias no combate ao COVID-19.

Circulação de pessoas está proibida das 21h às 6h; prefeito diz que atende apelo da população

O prefeito de Tangará da Serra (distante 242 km de Cuiabá), Fábio Martins Junqueira (PMDB), anunciou nesta sexta-feira (22), que o município vai retomar o toque do recolher como medida preventiva de combate ao novo coronavírus. A cidade já possui 48 casos confirmados e 400 suspeitos.

De acordo com o decreto, fica restrita a circulação injustificada de pessoas no perímetro urbano entre 21h e 06h. Só será permitido os serviços de delivery com condutores devidamente cadastrados junto aos veículos de entrega. 

Ainda segundo o documento, às 20h, sirenes instaladas em escolas públicas e locais estratégicos, emitirão um alerta para “aviso e preparação do toque de recolher para a população retornar aos domicílios”.

Segundo o chefe do Executivo, a decisão atende a um pedido dos próprios moradores de Tangará. “Nós temos recebido muitos pedidos de cidadãos para que retome o toque de recolher, então nós estamos novamente decretando o toque de recolher das oito da noite até às seis da manhã. O que estamos pedindo é que as pessoas cumpram espontaneamente, a gente não quer sair prendendo ninguém, até mesmo porque aglomeração aumenta a transmissão do vírus”, explicou o prefeito. 

BARREIRAS SANITÁRIAS

Cidades vizinhas ao município como Arenápolis (a 235 km de Cuiabá), Santo Afonso (à 257 km de Cuiabá), Denise (a 208,3 km de Cuiabá e Nova Marilândia (a 251 km de Cuiabá),  vão instalar uma “Barreira Sanitária” para orientar os visitantes quanto as prevenções individuais e coletivas sobre o Covid-19. A Prefeitura de Chapada dos Guimarães (a 67 km de Cuiabá) também anunciou uma medida semelhante. Nenhuma delas possuem Unidades de Terapia Intensiva (UTI).

Na manhã de hoje, o secretário de Saúde, Gilberto Figueiredo, defendeu que os gestores municipais precisam ter “pulso firme” para adotar medidas restritivas de combate ao vírus.

Redação com FolhaMax

Talvez você também goste

Mato Grosso 0 Comentários

Fundo Estadual: Lei garante que 50% do valor das multas aplicadas pelo TCE seja destinado à Saúde de MT

Atualmente, recursos vão integralmente para o Fundo de Reaparelhamento do TCE.

Notícias 0 Comentários

Delegado Claudinei homenageia policiais militares de Guiratinga

O deputado estadual Delegado Claudinei (PSL) recebeu nesta quinta-feira (11), na Assembleia Legislativa de Mato Grosso (ALMT), os policiais militares do 2º Pelotão de Polícia Militar de Guiratinga (MT), sendo

Destaques 0 Comentários

REFORMA DA PREVIDÊNCIA SERÁ APROVADA ATÉ JUNHO

Com Bolsonaro em Israel, a segunda foi marcada por avanços políticos na Câmara dos Deputados. O deputado Delegado Marcelo Freitas, relator da reforma da Previdência na CCJ, afirmou que apresentará