PT pede punição para pastores que apoiam Bolsonaro nas igrejas

PT pede punição para pastores que apoiam Bolsonaro nas igrejas

Em contrapartida, Fernando Haddad busca apoio da CNBB

A cúpula do PT quer que o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) puna pastores que estão declarando apoio ao candidato a presidente Jair Bolsonaro (PSL) dentro de suas igrejas, de acordo com a Coluna do Estadão. Não há consenso se a via jurídica é a mais adequada.

O ex-ministro do TSE Marcelo Ribeiro diz que o tema ainda é novo no direito eleitoral, mas que o TSE começa a punir o que considera “abuso do poder religioso”.

A medida ditatorial do partido, no entanto, não abrange seu próprio candidato, Fernando Haddad, que está buscando aproximação com a Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB). O petista deve visitar a instituição na tarde desta quinta-feira (11) em busca de apoio para o segundo turno.

Fonte: Estadão / Fernanda Salles/ Terça Livre

Compartilhe:

Sobre o Autor

Talvez você também goste

Notícias 0 Comentários

VEREADOR ENCAMINHA SOLUÇÃO PARA PROBLEMAS DO SAGRADA FAMÍLIA E REGIÃO

O 1º secretário da mesa diretora da Câmara Municipal  vereador Fábio Cardozo (PPS), na sessão ordinária da câmara do dia 1º de março, com a presença do Senador Wellington Fagundes.

Notícias 0 Comentários

ALCKMIN DIZ “NÃO TEMER” A SUPOSTA DELAÇÃO LAURENCE CASAGRANDE

Circula em São Paulo a informação de que Laurence Casagrande, ex-presidente da empresa de rodovias paulista, a Dersa, está trabalhando numa delação premiada. O candidato à Presidência pelo PSDB, Geraldo

Destaques 0 Comentários

BOLSONARO LIDER NA PESQUISA COM 35% DOS VOTOS À PRESIDÊNCIA NO MT

O deputado federal Jair Bolsonaro (PSL) lidera as intenções de votos para a Presidência da República em Mato Grosso. Em pesquisa realizada pelo instituto Real Time BigData, e divulgada na