PREFEITURA TENTA DIFICULTAR O TRANSPORTE POR APLICATIVOS EM RONDONÓPOLIS

PREFEITURA TENTA DIFICULTAR O TRANSPORTE POR APLICATIVOS EM RONDONÓPOLIS

PROJETO DE LEI SEMELHANTE FOI DERROTADO EM 2019

Mais uma vez o prefeito de Rondonópolis- José Carlos do pátio (SD), tenta dificultar a vida dos motoristas de aplicativo. Na sessa desta quarta-feira (12), o executivo encaminhou novamente um projeto de lei, que visa limitar o transporte de aplicativo no município, através de regulamentação. No ano passado um projeto semelhante do executivo foi derrotado no plenário da casa de leis.

O projeto anterior limitava o número de veículos que poderiam atuar no município. Constava no projeto que só poderiam trabalhar no setor 78 carros. O que inviabilizaria os aplicativos, além de sobretaxar os serviços de cadastramento.

Porém o novo projeto foi retirado da pauta nesta quarta, pelo presidente da câmara, o vereador Cláudio da Farmácia (MDB).

A atuação rápida dos motoristas de aplicativos, juntamente com o vereador Rodrigo da Zaeli (PSDB) que preside  a Comissão de Trânsito da Câmara, foi fundamental para impedir que o projeto fosse apreciado, eles rapidamente mobilizaram as redes sociais e expuseram a intenção do prefeito em acabar com o transporte de aplicativos no município.

“Eles vão continuar trabalhando da forma que estão regulamentados, disciplinado e autorizado pela Lei Federal, que reconhece que é uma atividade lícita no país que os municípios podem ou não regulamentar”, afirmou o vereador Rodrigo.

Sobre o Autor

Talvez você também goste

Destaques

PL PREVÊ FIM DO MONOPÓLIO DA CARTEIRA ESTUDANTIL POR ENTIDADE LIGADA AO PCdoB.

Um projeto de lei de autoria do senador Roberto Rocha, líder do PSDB, pretende para acabar com o monopólio da Ubes e da UNE na confecção de carteiras estudantis. Em

Destaques

Ampa prevê manutenção na área de algodão em Mato Grosso na safra 2019/20

A área destinada para o algodão 2019/2020 em Mato Grosso deve ser mantida, podendo registrar um incremento de até 2%. A previsão é da Associação Mato-grossense dos Produtores de Algodão

Mato Grosso

OSCAR DESMENTE SILVAL E DECLARA QUE ACUSAÇÕES PODEM SER VINGANÇA

Durante entrevista a uma rádio na Capital, na manhã desta quinta-feira (24), o deputado estadual, Oscar Bezerra (PSB), negou ter recebido R$200 mil do ex-governador Silval Barbosa, para isentar o