Picaretagem: Congresso tira dinheiro da saúde e infraestrutura para fundo eleitoral

Picaretagem: Congresso tira dinheiro da saúde e infraestrutura para fundo eleitoral

A comissão do Congresso responsável pelo Orçamento aprovou ontem (4) um relatório preliminar que aumenta para R$ 3,8 bilhões o fundo eleitoral em 2020. Para turbinar os recursos das campanhas municipais, o Congresso prevê cortes em saúde, educação e infraestrutura.

Segundo a Folha, inicialmente, o governo de Jair Bolsonaro desejava destinar R$ 2 bilhões para custear as eleições. No entanto, presidentes e líderes de partidos que representam a maioria dos deputados e senadores articularam a elevação do valor do fundo em R$ 1,8 bilhão.

Tal aumento só foi possível após a redução de R$ 1,7 bilhão nas despesas de diversos ministérios. Desse montante, os maiores cortes foram em saúde (R$ 500 milhões), infraestrutura e desenvolvimento regional (R$ 380 milhões), que inclui obras de habitação, saneamento. A redução em educação chegou a R$ 280 milhões.

O novo valor do fundo eleitoral ainda será votado no relatório final na Comissão Mista do Orçamento. Depois, o plenário do Congresso analisará a proposta em sessão prevista para o dia 17 de dezembro.

Redação com Metro1

Sobre o Autor

Talvez você também goste

UMA POSSÍVEL PARALISAÇÃO DE CAMINHONEIROS AGITA OS BASTIDORES POLÍTICOS

O aluno número um de Olavo de Carvalho no governo, Filipe Martins, via ao Twitter. “Há uma flagrante tentativa de isolar a ala anti-establishment do governo, lançando sobre ela uma

Destaques 0 Comentários

“PROVÁVEL PRIMEIRA VÍTIMA” DO JOGO BALEIA AZUL NO MT

A Polícia Civil do Mato Grosso está investigado se a morte de uma adolescente de 16 anos está relacionada com o Baleia Azul. A jovem pulou em uma represa de

O PT perderá o bastão

Nova pesquisa BTG PACTUAL foi divulgada nesta madrugada do dia 15 de outubro. Em primeira mão, fizemos uma pequena análise dos números e disponibilizamos o arquivo integral. Sobre os números

0 Comentários

Nenhum comentário ainda!

Você pode ser o primeiro a comente este post!

Deixa uma resposta