O FUTURO GOVERNO BOLSONARO TERÁ COMO PRINCIPAL PARCEIRO O DEM

O FUTURO GOVERNO BOLSONARO TERÁ COMO PRINCIPAL PARCEIRO O DEM

O deputado federal Luiz Henrique Mandetta, médico do Mato Grosso do Sul especializado em ortopedia pediátrica, será o novo ministro da Saúde.

Seu nome foi anunciado pelo presidente eleito Jair Bolsonaro ontem, no CCBB de Brasília, em um encontro com a Frente Parlamentar da Saúde e representantes das Santas Casas de todo o país. Ele é o terceiro ministro do DEM, que se consolida como principal parceiro do novo governo. A pasta tem o segundo maior orçamento da Esplanada.

Mandetta é investigado por suposta fraude, tráfico de influência e caixa dois na contratação de uma empresa quando era secretário de saúde em Campo Grande. Ele comprou um sistema para informatização da rede pública por R$ 10 milhões dando, segundo a CGU, um prejuízo de R$ 6 milhões ao município. “Ele nem é réu ainda”, afirmou Bolsonaro. “O que está acertado entre nós? Qualquer denúncia que seja robusta, não fará parte do governo.”

O novo ministro é ligado a Onyx Lorenzoni, da Casa Civil. E há um desconforto no comando do DEM. O presidente da sigla, ACM Neto, só terá a primeira conversa com Bolsonaro, hoje. “São quadros qualificadíssimos, mas escolhas do presidente”, afirmou. Disse também que não está decidido que o partido fará parte da base governista.

Redação com Canal do Meio

Sobre o Autor

Talvez você também goste

Destaques 0 Comentários

A MANDO DE PEDRO TAQUES PM FAZ “ARRASTÃO ARRECADATÓRIO EM RONDONÓPOLIS

Um verdadeiro arrastão está sendo proporcionado pelo governo do estado do Mato Grosso, utilizando força policial a fim de apreender veículos que estejam irregulares em Rondonópolis MT. Aquilo que popularmente

Destaques

Preço da gasolina fica 0,07% mais barato em novembro e recua pela primeira vez desde maio

Segundo o Índice de Preços Ticket Log (IPTL), a gasolina apresentou queda nos preços na primeira quinzena de novembro. Durante o período, a média para o combustível ficou 0,07% mais

Destaques

Respiradores falsos – Ramos de Farias terá habeas corpus julgado nesta quarta-feira

Preso por vender respiradores falsos à prefeitura de Rondonópolis (212 quilômetros de Cuiabá), o empresário Ramos de Faria e Silva Filho terá habeas corpus julgado nesta quarta-feira pela 2ª Câmara

0 Comentários

Nenhum comentário ainda!

Você pode ser o primeiro a comente este post!

Deixa uma resposta