MORO NA “LIVE” DO PRESIDENTE

MORO NA “LIVE” DO PRESIDENTE

A quinta-feira não foi um dia fácil para o ministro da Justiça, Sérgio Moro. Seu pacote anticrime, que já vinha sendo paulatinamente desidratado pelo Congresso, foi colocado na geladeira por ninguém menos que o presidente Jair Bolsonaro.

Segundo este, com a reforma da Previdência já no Senado, a prioridade do governo é tocar a reforma tributária, o que jogaria o pacote do ministro para as calendas gregas. “O Moro está vindo de um meio onde ele decidia com uma caneta na mão. Agora, não temos como decidir de forma unilateral”, disse Bolsonaro. “Entendo a angústia dele, de querer que o projeto vá para frente, mas nós temos que fazer o Brasil andar.” Para diminuir o desconforto, ele levou Moro para sua tradicional live nas redes sociais.

Depois, Moro precisou se explicar ao ministro Luiz Fux, do STF, negando ter mandado destruir provas obtidas com hackers que invadiram celulares de autoridades. A intenção de Moro havia sido revelada pelo presidente do STJ, João Otávio Noronha. A Fux, o ministro da Justiça diz que houve um “mal-entendido”.

Assista a Live do Presidente:

Posted by Jair Messias Bolsonaro on Thursday, 8 August 2019

Redação com Meio

Compartilhe:

Sobre o Autor

Talvez você também goste

Mato Grosso 0 Comentários

OSCAR E LUCIANE MUITO PRÓXIMOS DE PROVAREM INOCÊNCIA

A gravação apreendida pela Polícia Federal na casa do prefeito de Cuiabá, Emanuel Pinheiro (PMDB), durante a Operação Malebolge, deflagrada no dia 14, pode comprovar a versão do deputado estadual

Destaques 0 Comentários

TRAGÉDIA EM RONDONÓPOLIS COM FERIDOS SEM VÍTIMAS FATAIS.

Uma tragédia de grandes proporções atingiu a unidade do supermercado Atacadão na cidade de Rondonópolis MT, nesta sexta feira (12), segundo as informações o fogo começou no deposito e teria

Mato Grosso 0 Comentários

TRE CASSA MANDATO DE DOIS VEREADORES EM RONDONÓPOLIS

A Justiça Eleitoral condenou a chapa de vereadores da coligação PRTB/Rede que elegeu dois vereadores em Rondonópolis: Roni Cardoso e Bilú do depósito de areia. A sentença da Juíza Tatyana