LEOPOLDO LÓPEZ INTERNADO EM HOSPITAL SOB SUSPEITA DE ENVENENAMENTO

LEOPOLDO LÓPEZ INTERNADO EM HOSPITAL SOB SUSPEITA DE ENVENENAMENTO

Suspeita foi levantada por transmissão de rede social

Fundador do partido conservador Voluntad Popular com alta popularidade, carisma e visto como uma alternativa a Maduro, um bastião da revolução anti-chavista.

O venezuelano de 44 anos estudou políticas públicas e economia nos Estados Unidos, onde frequentou a Universidade de Harward.

Leopoldo López, condenado a 14 anos de prisão. Por supostamente, incitar a violência durante as manifestações de 2014, que exigiram a renúncia do presidente da Venezuela, Nicolás Maduro.

Sempre foi opositor de Hugo Chávez, e ganhou espaço e popularidade nos setores anti-chavismo.

Lilian Tintori a esposa de Lopez, busca informações sobre o marido que foi levado a um hospital militar com suspeita de envenenamento.

Informações dão conta de que teria chegado sem sinais vitais, na unidade hospitalar em Caracas.

Nesta quarta feira muitos mais um dia de manifestações, houve confrontos e distúrbios no protesto, que foi organizado contra a convocação de uma Assembleia Constituinte pelo presidente Maduro.

O ditador da Venezuela tenta permanecer no poder a qualquer preço.

 

 

Redação

Sobre o Autor

Talvez você também goste

Destaques 0 Comentários

Funcionário de prefeitura é preso após usar cartão de pessoa morta para fazer empréstimo

Um funcionário da Prefeitura de Alta Floresta, acusado de usar o cartão de uma pessoa morta para fazer empréstimo e saques bancários, foi identificado e preso pela Polícia Judiciária Civil,

RONDONÓPOLIS 0 Comentários

Olimpíada de Língua Portuguesa: etapa municipal Semed anuncia vencedores

A Secretaria Municipal de Educação de Rondonópolis (Semed), por meio de uma comissão avaliadora, selecionou os melhores textos de alunos de escolas municipais, estaduais e federal da cidade, que irão

Destaques 0 Comentários

PL PREVÊ FIM DO MONOPÓLIO DA CARTEIRA ESTUDANTIL POR ENTIDADE LIGADA AO PCdoB.

Um projeto de lei de autoria do senador Roberto Rocha, líder do PSDB, pretende para acabar com o monopólio da Ubes e da UNE na confecção de carteiras estudantis. Em

0 Comentários

Nenhum comentário ainda!

Você pode ser o primeiro a comente este post!

Deixa uma resposta