Justiça proíbe Eder Moraes de atuar em estatal por falta de idoneidade moral

Justiça proíbe Eder Moraes de atuar em estatal por falta de idoneidade moral

A Justiça de Mato Grosso proibiu o ex-secretário Eder de Moraes Dias de ocupar qualquer cargo de direção na Agência de Fomento do Estado de Mato Grosso (Desenvolve MT). A decisão, em caráter liminar foi proferida pelo juiz João Thiago de França Guerra.

A medida atende a pedido formulado pela Procuradoria Geral do Estado (PGE), em ação de dissolução parcial de sociedade empresarial.

Além do veto a ocupar cargo de direção, Eder também teve o direito ao voto suspenso na Diretoria Executiva.

A PGE sustenta que Eder não possui idoneidade moral para permanecer sócio da empresa, já que responde a ações por crimes contra a administração pública estadual, o que afeta a credibilidade da empresa estatal.

A situação tem provocado a ira do ex-secretário já que já declarou guerra aos contrários à sua permanência na DesenvolveMT. A PGE acionou a Justiça quando percebeu que Eder articulava a presidência da estatal.

Redação

Sobre o Autor

Talvez você também goste

Destaques 0 Comentários

ENGENHEIROS QUE ATESTARAM A SEGURANÇA DE BRUMADINHO ESTÃO PRESOS

Foram presos agora de manhã os engenheiros que atestaram a segurança da barragem 1, que rompeu na sexta em Brumadinho. Não deve ficar só nisso. A procuradora-geral da República, Raquel

Destaques 2 Comentários

PAIS PROTESTAM CONTRA DIREÇÃO DO CMEI WIDISNEY EM REDES SOCIAIS USANDO NARIZ DE PALHAÇO

Um grupo de pais de alunos do Centro Municipal de Educação Infantil Widisney Aparecido Pereira Rodrigues. Localizado no bairro José Sobrinho em Rondonópolis-MT, resolveram protestar nas redes sociais com publicações,

Destaques 0 Comentários

SACRIFICADOS PELO ACORDO PT-PSB SE REVOLTAM

O acordo costurado por Lula para asfixiar a candidatura Ciro Gomes fez explodir inúmeras crises regionais dentro de PT e PSB. Começando em Minas. O esquema de Lula tirou de

0 Comentários

Nenhum comentário ainda!

Você pode ser o primeiro a comente este post!

Deixa uma resposta