JANAÍNA E TAQUES: DOIS PESOS E DUAS MEDIDAS

JANAÍNA E TAQUES: DOIS PESOS E DUAS MEDIDAS

A deputada estadual Janaína Riva (do PMDB de Michel Temer), atacou o governo Taques quanto aos motivos “eleitoreiros” da Caravana da Transformação. Porém, tem usado da mesma “artimanha” de Taques e usa a ferramenta política “Assembleia Itinerante” para fazer “a velha e boa política” com o “povão”.

A “Caravana da Transformação” só tem chegado porque em 2018 tem eleição”, disse Janaína Riva em matéria publicada em seu site pessoal.

A deputado vai além: “A Caravana é importante sim, mas se estivesse sobrando dinheiro”, completou Janaina Riva ao criticar o evento promovido pelo Governo de MT.

Para que todos tenham clareza, o Governo está passando por sérias dificuldades financeiras, mesmo tendo sua arrecadação aumentada. Além disso, a Assembleia Legislativa também passa por sérios problemas financeiros, inclusive com a perspectiva real de atrasos salariais, o problema se agrava diante dos atrasos no repasse do duodécimo. Então, as palavras “economicidade” e “cautela” deveriam ser mandamentos de ambos os poderes em MT.

Estamos vendo uma crise, mas também “jogos de poder” e de “empurra em empurra”, além de muitas críticas jogadas ao vento, sem efetividade e sem que dêem o devido exemplo. Ou a classe política está sendo exemplo de gestão e economia, e a população está contente com nossos políticos?

E, a Deputada Riva, mesmo fazendo duras críticas à Caravana da Transformação, considerada “eleitoreira”, tem apoiado, participado e colhido louros da “Caravana Nem Tanto Eleitoreira” da Assembleia Legislativa.

O evento Assembleia Itinerante, segundo informa, é para aproximar o cidadão da Assembleia Legislativa, o mesmo evento promovido pelo governo, mas com outros serviços e outro nome. Muda-se o nome, mas o “piseiro” é o mesmo. A Assembleia Itinerante percorre as regiões de Mato Grosso. Atender a população é sempre importante, porém o real objetivo costuma ser estritamente político, uma pré campanha paga pelos pagadores de impostos.

A própria Deputada Janaína Riva afirma que, em miúdos, o evento tem objetivo político, pelo menos quando ela se refere ao Taques. Pois, na prática é também um ato político.

Tanto um Poder, quanto o outro querem fazer propaganda de si mesmos. Tantos os deputados, quanto o governador, defendem seus eventos “sociais”. Mas precisamos saber se a população está satisfeita com isso.

Pelo menos, Taques não foi incoerente, o governador não atacou o evento da Assembleia, que nada mais é que uma cópia do outro.

E, enquanto isso, entre discursos e eventos, todos vão capitalizando votos. Infelizmente, esse acaba sendo o principal objetivo, não é?

Por enquanto Marreta Neles!

 

Sobre o Autor

Talvez você também goste

Destaques

Covid-19: OSB sugere redução de salários de vereadores, prefeitos e vices dos municípios de Brusque, Guabiruba e Botuverá

O Observatório Social de Brusque, que atua também em Guabiruba e Botuverá, encaminhou na tarde desta segunda-feira, 6, um ofício aos presidentes das Câmaras de Vereadores e aos chefes do

Política 0 Comentários

‘Em nenhum momento preguei golpe militar’, diz general Mourão

Ao falar sobre o ataque sofrido por Jair Bolsonaro em sabatina na GloboNews, o general da reserva Hamilton Mourão buscou adotar um tom pacificador. Em sabatina realizada na noite da

Destaques 0 Comentários

Tereza Cristina promete tratamento especial à agricultura familiar

Incorporada ao Ministério da Agricultura a partir de 1º de janeiro de 2019 com a posse do presidente eleito, Jair Bolsonaro, a agricultura familiar deve ter tratamento especial. A promessa

0 Comentários

Nenhum comentário ainda!

Você pode ser o primeiro a comente este post!

Deixa uma resposta