GREVE DA PM: CEARÁ REGISTRA 29 MORTES EM UM DIA

GREVE DA PM: CEARÁ REGISTRA 29 MORTES EM UM DIA

O presidente Jair Bolsonaro atendeu ontem a um pedido do governador cearense Camilo Santana e autorizou, além do envio da Força Nacional, também as Forças Armadas para garantir a ordem durante o motim da PM local.

O presidente assinou um decreto de Garantia da Lei e da Ordem no período que vai até 28 de fevereiro, garantindo a segurança durante o carnaval. Em Brasília.

A situação é séria. O Ceará registrou 29 mortes ao longo de 24 horas — a média diária no ano estava em seis. Só nesta madrugada já havia o registro de mais dois assassinatos. Ontem, encapuzados cercaram e tomaram um carro da polícia civil. A desconfiança era de que eram amotinados.

O senador Cid Gomes tem quadro clínico estável, após ter sido atingido por dois tiros, em Sobral. Ele divulgou um vídeo no qual agradeceu à equipe médica.

São doze os estados onde as polícias pressionam por aumentos salariais. Em sete deles, os embates são públicos.

Redação com Meio

Sobre o Autor

Talvez você também goste

RONDONÓPOLIS 0 Comentários

PRESENTE DE NATAL: AUMENTO NA TARIFA DO ROTATIVO RONDON

Para quem utiliza o estacionamento rotativo em Rondonópolis, pode se preparar para pagar um reajuste que foi autorizado pela prefeitura municipal. O prefeito Jose Carlos do Pátio, autorizou um aumento

Mato Grosso 0 Comentários

PESQUISA APONTA APENAS 4 PARLAMENTARES DO MT LEMBRADOS PARA DISPUTA À CÂMARA DOS DEPUTADOS

Victório Galli (PSC), Fábio Garcia (PSB), Valtenir Pereira (PSB) e Carlos Bezerra (PMDB) foram os únicos deputados federais citados pelos eleitores na pesquisa de intenção de votos para a Câmara

Notícias 0 Comentários

SENADOR JOSÉ MEDEIROS PODE PERDER O MANDATO APÓS TSE REABRIR CASO DA “ATA”

O Tribunal Regional Eleitoral (TRE-MT) determinou que a Polícia Federal (PF) realize uma perícia na ata de registro de candidatura do governador Pedro Taques (PSDB), ao Senado Federal, em 2010.

0 Comentários

Nenhum comentário ainda!

Você pode ser o primeiro a comente este post!

Deixa uma resposta