FEMINICIDIO – Amante levou tiro e foi queimada viva

FEMINICIDIO – Amante levou tiro e foi queimada viva

O corpo da vítima foi encontrado carbonizado um dia após seu desaparecimento

Um homem de 21 anos foi preso nessa quinta-feira (2) pelo assassinato da jovem Jaqueline dos Santos, de 24 anos. Ele é acusado de atirar na cabeça da vítima e depois queimá-la enquanto ainda estava com vida. Os dois eram amantes há quatro meses.

Jaqueline foi vista com vida pela última vez no dia 19 de junho, por volta de 12 horas. Ela saiu de casa, em Tabaporã (695 km de Cuiabá), dizendo para a mãe que retornaria em breve e nunca mais voltou.

Preocupada, a mãe dela registrou um boletim de ocorrência relatando o desaparecimento da filha. A jovem, no entanto, foi encontrada morta um dia depois, no dia 20 de junho deste ano, com o corpo carbonizado, próximo a um frigorífico da cidade.

A Polícia Judiciária Civil iniciou as investigações sobre o caso imediatamente e descobriu que Jaqueline vinha mantendo um relacionamento extraconjugal com um homem de 21 anos há quatro meses.

No dia que desapareceu, ela havia sido levada pelo amante ao local em que foi encontrada morta e, após uma conversa entre os dois, foi assassinada com um disparo na cabeça.

Em seguida, ele comprou etanol em um posto de combustíveis, voltou ao local do crime e ateou fogo em Jaqueline. A perícia apontou que a vítima ainda estava viva quando as chamas consumiram seu corpo.

Nessa quinta-feira, o homem foi preso, ainda em Tabaporã, com apoio da Delegacia de Juara. A esposa dele, que é advogada, também foi detida pelo crime, mas teve fiança arbitrada, pagou e foi posta em liberdade.

Durante o cumprimento do mandado, os policiais ainda encontraram a arma utilizada no crime, o celular que o suspeito usava para falar com Jaqueline e o celular da vítima, que o suspeito havia levado após a morte dela.

Ele será indiciado por homicídio triplamente qualificado (feminicídio, crime praticado com emprego de fogo e impossibilidade de defesa da vítima), além da prisão em flagrante por posse irregular de arma de fogo.

Ele foi encaminhado à cadeia pública de Porto dos Gaúchos, onde ficará à disposição da Justiça.

Assessoria

Talvez você também goste

Notícias 1Comentários

PROTESTO: GRUPO DE MULHERES IRÁ PLANTAR FLORES EM BURACOS DAS RUAS DE RONDONÓPOLIS

O Grupo de Mulheres em Prol de Rondonópolis, que sempre tem protagonizado nos últimos anos a luta por melhorias no município. Cuja a principal bandeira resultaram nas melhorias do aeroporto

Destaques 0 Comentários

A BOMBA NA DELAÇÃO DE PALOCCI CONTRA OS BANCOS

Trechos da delação premiada do ex-ministro Antonio Palocci, obtidos pelos jornalistas Aguirre Talento e Bela Megale, revelam que, ao todo, os principais bancos do país fizeram doações que somaram R$ 50 milhões

Mato Grosso 0 Comentários

DESCASO COM DINHEIRO PÚBLICO ALMT DESCUMPRE LEI E MANTEM GABINETE VAGO

Desde o dia 09 de maio de 2018, com o afastamento do Deputado presidiário Mauro Savi, o presidente da Assembléia Legislativa de Mato Grosso Eduardo Botelho, vem descumprindo o art.