Coronavírus pode estar sofrendo mutações em novo surto na China

Coronavírus pode estar sofrendo mutações em novo surto na China

Um novo surto da covid-19 na China pode indicar que o vírus esteja sofrendo mutações, segundo reportagem publicada pela agência Bloomberg nesta 4ª feira (20.mai.2020).

Registrados nas províncias de Jilin e Heilongjiang –mais ao Norte do que Wuhan, cidade na província de Hubei, ponto de origem da pandemia–, os casos seguem 1 caminho distinto dos anteriores: pacientes levam mais tempo para manifestarem sintomas depois de infectados e demoram mais para terem resultado negativo nos testes.

Segundo o médico Qiu Haibo, que concedeu entrevista à televisão estatal chinesa, os casos representam 1 novo desafio no país. “O períodos mais longos em que pacientes infectados ficam sem manifestar sintomas acabou criando aglomerados de famílias contaminadas”, afirmou.

Cientistas ainda não entraram em consenso a respeito dos novos comportamentos, de acordo com a Bloomberg. As mudanças podem ser 1 indicativo de que o vírus tem sofrido mutações, mas também podem vir do fato de que os casos são acompanhados mais rigorosamente do que em Wuhan. Naquele momento, o sistema de saúde na província estava sobrecarregado e apenas as ocorrências mais sérias foram monitoradas.

PODER 360

Talvez você também goste

Mato Grosso 0 Comentários

Selma Arruda nega ser contra servidores, mas não negou sua “ajuda” ao PSOL

A ex juíza Selma Arruda, pediu aos eleitores para ficarem alertas para a apresentação de denúncias falsas e ‘Fake News’ nesta reta final da campanha. De acordo com ela, a

Mato Grosso 0 Comentários

Deputado conhece trabalho de doação de bens da Delegacia da Receita Federal em Mato Grosso

Com a crise orçamentária e financeira do estado de Mato Grosso, o deputado estadual Delegado Claudinei (PSL) recebe constantemente solicitações de equipamentos e materiais que possam contribuir com o trabalho

IRREGULARIDADES NA PRESTAÇÃO DE CONTAS PODEM CASSAR MANDATOS DE BEZERRA E JANAÍNA RIVA

As coisas não andam muito bem para os parlamentares do MDB/MT, tanto em nível federal como estadual. Isso porque a Procuradoria Regional Eleitoral (PRE) de Mato Grosso denunciou o deputado