Comunidades da região Oeste de Rondonópolis fazem reivindicações para beneficiar 20 mil moradores

Comunidades da região Oeste de Rondonópolis fazem reivindicações para beneficiar 20 mil moradores

Na oportunidade, foram apresentadas várias reivindicações, entre elas, na área de Educação e Infraestrutura para beneficiar, pelo menos, 20 mil moradores da região.

O deputado estadual Delegado Claudinei (PSL) se reuniu nesta segunda-feira (28) com representantes do Conselho de Comunidades da região Oeste de Rondonópolis (Coreo), no bairro Padre Lothar. Na oportunidade, foram apresentadas várias reivindicações, entre elas, na área de Educação e Infraestrutura para beneficiar, pelo menos, 20 mil moradores da região. Quem também participou da reunião foi o pastor da igreja Quadrangular, Marcos Ribeiro.

Desde 2013, os moradores solicitam a construção de uma escola estadual para atender as comunidades locais, já que não há nenhuma unidade escolar do estado para atender os bairros Residencial Padre Lothar, Vila Rica, João Morais, Mathias Neves I, II e II, Paiaguás I, II, III e IV, Antônio Geraldine, e ainda os novos residenciais – Dona Newma e Melquíades Figueiredo I, II e III.

“Essa é uma solicitação antiga, pois nossa região é afastada da região central da cidade e, sem escola estadual, muitos estudantes que cursam as séries da grade curricular do Ensino Médio e boa parte do Ensino Fundamental acabam sendo obrigados a se deslocar para as mais variadas regiões da cidade em busca de uma vaga que os atenda. Hoje, temos uma área disponível em Padre Lothar, com tamanho de oito mil metros quadrados para a construção da unidade”, afirmou o presidente do Coreo e presidente do bairro Padre Lothar, Cláudio dos Santos.

Já na área de Infraestrutura, o Conselho das comunidades pedem alterações no projeto de prolongamento da Avenida Rio Branco no perímetro central do residencial Padre Lothar. Esta via dá acesso a diversos bairros, como Residencial Padre Lothar, Vila Rica, João Morais, Mathias Neves I, II e II, Paiaguás I, II, III e IV, Antônio Geraldine, e ainda os novos residenciais dona Newma e Melquíades Figueiredo I, II e III.

“Esta mesma avenida hoje se torna a principal via de acesso da cidade ligando o anel viário Conrado Salles Brito a Lions Internacional. O problema é que essa obra teve várias falhas de execução e planejamento, sendo as mais graves, a falta de sinalização no percurso entre Padre Lothar e Mathias Neves e a ausência de rotatórias e contornos em pontos estratégicos”, explicou Cláudio.

Nesse sentido, os moradores querem um contorno sentido centro bairro, antes do córrego Queixada; rotatória no cruzamento da Avenida Contorno Sul com a Avenida Rio Branco; ponto de escoamento da água represada nas imediações da rua São João Del Rey; correção da rotatória entre os bairros Padre Lothar, Vila Rica, Mathias Neves e Antônio Geraldine; sinalização em todo percursos com placas de identificação e limites de velocidade, além de uma faixa de pedestre em frente à igreja Nossa Senhora de Fátima, bem a implantação de uma lombada eletrônica ou redutor de velocidade nos trechos mais críticos.

Após ouvir as demandas, o deputado Delegado Claudinei vai fazer indicações das solicitações junto ao Governo do Estado, por meio das secretarias de Estado de Infraestrutura e Educação. “É uma região que carece muito da nossa atenção, compreendido por 16 bairros. São problemas na questão de infraestrutura e também a necessidade de uma escola estadual, pois estudantes se deslocam para várias regiões a fim de conseguirem estudar, inclusive, para a zona rural na gleba Rio Vermelho. Vamos encaminhar essas indicações na Assembleia Legislativa”, finalizou Delegado Claudinei.

Assessoria

Compartilhe:

Sobre o Autor

Talvez você também goste

RONDONÓPOLIS 0 Comentários

RONDONÓPOLIS: OAB/MT PROMOVERÁ ” FÓRUM DE DIREITO ELEITORAL”

A Comissão de Direito Público da OAB/MT, Subseção de Rondonópolis realizará no dia 06/08, às 19h, o Fórum de Direito Eleitoral* visando as Eleições 2018. Inscrições limitadas, na sede da

Destaques 0 Comentários

Projeto de Max Russi proíbe reboque de veículo na presença do proprietário ou condutor

O Projeto de Lei n°905/2019, do primeiro-secretário da Assembleia Legislativa, o deputado Max Russi (PSB), quer a proibição da remoção de veículos multados, quando o proprietário, ou motorista, estiver presente

Notícias 0 Comentários

COMANDANTE DA PM É EXECUTADO COM 17 TIROS NO RJ

O comandante do 3º Batalhão da Polícia Militar, no Méier, Coronel Luiz Gustavo Lima Teixeira, morreu após ser baleado em um confronto com criminosos. Ele foi levado para o Hospital