Bolsonaro deixará o PSL e legenda deve encolher

Bolsonaro deixará o PSL e legenda deve encolher

O presidente Jair Bolsonaro confidenciou a assessores que pretende deixar o PSL até o fim do ano, por causa do desgaste com Luciano Bivar – que não quer abrir mão do comando da legenda é o que noticiou o Antagonista nesta quarta-feira.

Enquanto Bivar diz que abriu as portas do PSL para que Bolsonaro pudesse concorrer à Presidência, o presidente argumenta que sem ele o partido não teria a maior bancada da Câmara.

Ambos estão de olho nos recursos do Fundão Eleitoral e do Fundo Partidário – que podem somar até meio bilhão.

Pelo menos 18 dos 53 deputados do PSL estariam na iminência de deixar o partido, noticia Denise Rothenburg, do Correio Braziliense.

Só não saíram, segundo a colunista, porque precisam dar um jeito de evitar perder o mandato por infidelidade partidária.

Em se confirmando, o partido do presidente da República encolheria de 53 para 35 deputados.

Redação

Compartilhe:

Sobre o Autor

Talvez você também goste

RONDONÓPOLIS 0 Comentários

Cortaram a água? Veja se tudo foi feito dentro da Lei

As consequências jurídicas do corte de água, inclusive nas situações de atraso por culpa do consumidor e as situações atípicas decorrentes desse fato. Ocorre o seguinte: Imagine uma sexta-feira de

Destaques 0 Comentários

Gilbert Regis confirma Pré-Candidatura

  O comunicador Gilbert Regis (PSB) é pré-candidato a vereador de Rondonópolis. Gilbert lançou seu projeto rumo a Câmara inovando. Suas propostas para o legislativo serão formatadas através do aplicativo

O Brasil quer mudança e não maquiagens, alerta Príncipe

O Príncipe Luiz Philippe de Orleans e Bragança, recentemente eleito deputado, pelo PSL, escreveu hoje, no seu Twitter, a respeito da imensa operação de camuflagem que o candidato Fernando Haddad