Bolsonaro confirma 36 vetos à Lei de Abuso de Autoridade

Bolsonaro confirma 36 vetos à Lei de Abuso de Autoridade

O presidente Jair Bolsonaro (PSL) confirmou nesta 5ª feira (5.set.2019), em evento no Palácio do Planalto, que apresentará 36 vetos à Lei do abuso de autoridadeaprovada em 14 de agosto pelo Congresso Nacional. O Drive apurou que o Planalto dividiu o texto em “itens”: cada artigo, parágrafo, inciso ou alínea é 1 “item”. Serão vetados 36 itens. A lei tem 108 itens.

“Hoje apresentarei os vetos do abuso de autoridade. O espírito do projeto será mantido, mas 36 emendas serão apresentadas. Nós queremos combater o abuso de autoridade, mas não podemos botar 1 remédio excessivamente forte de modo que venha a matar o paciente”, disse Bolsonaro no lançamento do Programa Nacional das Escolas Cívico-Militares.

Ele não detalhou quais pontos serão vetados. Em outras ocasiões, porém, já antecipou que, entre as mudanças, está o trecho sobre o uso de algemas quando o preso não oferece resistência. O Congresso Nacional pode manter ou derrubar os vetos.

O presidente voltou a reclamar de “perseguição” do Poder Judiciário e do Ministério Público, mas disse querer que “eles possam trabalhar e combater a corrupção”. Afirmou ainda que os vetos foram propostos pelo seu “centrão”: Sergio Moro (Justiça), Wagner Rosário (CGU), André Mendonça (AGU) e Jorge Oliveira (Secretaria Geral da Presidência).

“Não estou afrontando o Parlamento, nem querendo fazer média com a população, nem ceder ao clamor por parte de muitos populares de vetar tudo. Não sou radical, mas devemos construir algo que possa, sim, fazer o Brasil ser diferente na frente”, continuou.

Compartilhe:

Sobre o Autor

Talvez você também goste

Política 0 Comentários

PSB REALIZA CONVENÇÃO DIA 4 DE AGOSTO EM CUIABÁ

EDITAL DE CONVOCAÇÃO DE CONGRESSO DE CONVENÇÃO ESTADUAL O PSB/MT PARTIDO SOCIALISTA BRASILEIRO DIRETORIO ESTADUAL, com fulcro nas disposições estatutárias desta agremiação partidária, previstas no artigo 15 e 17, bem

General Mourão defende a instituição da família

O general da reserva Hamilton Mourão, vice de Jair Bolsonaro (PSL), concedeu palestra nesta segunda-feira (17) no Secovi, o sindicato do mercado imobiliário de São Paulo. Na palestra, o general

Notícias 0 Comentários

SENADORES IRÃO A CANONIZAÇÃO DE IRMÃ DULCE CUSTEADOS COM VERBA PÚBLICA

Pelo menos sete senadores viajarão à Itália para acompanhar a canonização de Irmã Dulce, no próximo domingo, no Vaticano (13/10). Irmã Dulce fez a opção de vida de cuidar dos