Bolsonaro: Aliança não disputa em 2020, sem assinatura eletrônica

Bolsonaro: Aliança não disputa em 2020, sem assinatura eletrônica

O presidente Jair Bolsonaro disse, nesta quinta-feira (21/11/2019), esperar que a Justiça eleitoral libere a coleta de assinaturas por meio eletrônico. Para ele, somente dessa forma poderá registrar o novo partido — Aliança pelo Brasil — até março do próximo ano.

Se a Justiça decidir não liberar a coleta de assinaturas por meio eletrônico, o presidente acredita que só no fim de 2020 será possível fazer o registro. “O partido começa agora. Estamos aguardando a decisão do TSE [Tribunal Superior Eleitoral]. Voto pode”, comentou, ao deixar o Palácio da Alvorada.

O presidente afirmou ainda que nenhum ministro do governo entrará no partido. “Ele [Onyx Lorenzoni] tem mandato. Vai perder. Não vou querer a participação do governo na direção do partido”, disse o presidente, usando como exemplo o ministro-chefe da Casa Civil.

Nova sigla

O Aliança pelo Brasil — ideia nascida após Jair Bolsonaro liderar um racha na sigla pela qual se elegeu, o PSL — tem nesta quinta-feira uma espécie de lançamento oficial, apesar de o registro definitivo ainda precisar passar por muita burocracia.

Com a presença do presidente e da ala bolsonarista do PSL, além de aliados de outros partidos e ministros do governo, a nova legenda se reunirá a partir das 10h no Royal Tulip, hotel de luxo de Brasília próximo ao Palácio da Alvorada.

Na convenção, deverá ser divulgado o estatuto do partido e a diretoria — que pode ser encabeçada pelo próprio Bolsonaro. A documentação, com as assinaturas de fundação da sigla, deverá então ser levada a um cartório eleitoral ainda nesta quinta-feira.

Redação com Metrópoles

Sobre o Autor

Talvez você também goste

Notícias 1Comentários

A REVOLUÇÃO DE 64 NÃO ACABOU CÉLIO EVANGELISTA, O NOVO “PRESIDENTE” DO BRASIL.

O site Marreta Urgente considerado um dos sites de notícias mais polêmicos do Brasil, não poderia deixar de acompanhar a história de Célio Evangelista Ferreira do Nascimento, que segundo o movimento comando

Destaques

Denúncia contra Prefeito de Pedra Preta-MT será apreciada pela Câmara

A Câmara de Vereadores de Pedra Preta (240 Km de Cuiabá), vai analisar na sessão de segunda-feira (6), um pedido de impeachment do Prefeito “NÁ” Juvenal Pereira de Brito (MDB).

Notícias

“Chaves” sai do ar em toda a América Latina

A popular série de televisão Chaves, protagonizada por Roberto Gómez Bolaños, o “Chespirito”, que continuava sendo transmitida principalmente na América Latina, foi tirada do ar de todos os canais em

0 Comentários

Nenhum comentário ainda!

Você pode ser o primeiro a comente este post!

Deixa uma resposta