BARBUDO ESQUECE DISCURSO DE DIREITA E TEM DOIS PETISTAS EM SEU GABINETE

Por EDÉSIO ADORNO

O pequeno agricultor de Alto Taquari, Nelson Barbudo (PSL), foi o campeão isolado de votos nas eleições de 2018. Chegou a Câmara dos Deputados na crista de 126.249 sufrágios. A estrondosa votação foi o coroar do apoio dedicado ao então presidenciável Jair Bolsonaro e as críticas demolidoras que fazia contra a esquerda, que ele rotulava de comunista e, em especial, contra Lula e seus devotos petistas. 

No Congresso Nacional, Nelson Barbudo fez discursos inflamados, deu entrevistas à imprensa e entupiu suas redes sociais com manifestações de apoio a despetização da República proposta pelo presidente Jair Bolsonaro (PSL).   

Já no início da legislatura, Barbudo teve um arranca-rabo com a deputada Maria do Rosário PT). Para contrapor as críticas que a petista fazia ao então ministro da Educação, Ricardo Vélez Rodriguez, o deputado elevou o tom da voz e disparou que os parlamentares de esquerda seriam psicopatas. A resposta dura de Barbudo inflamou a militância de direita e bombou nas redes sociais. 

Como entre o discurso e a prática pode existir distância quilométrica ou até mesmo fosso intransponível. Barbudo mantém o apoio a despetização do governo. Mas não esconde seu apreço por petistas convertidos a direita.   

Seu chefe de gabinete, Rafael Klas Dal Bo, foi assessor do ex-governador Silval Barbosa, defendeu a reeleição de Dilma Rousseff e apoiou Lúdio Cabral para prefeito de Cuiabá. Foi convertido a direita. Reza de acordo com alcorão do PSL. É um exemplo de assessor parlamentar, cujo exemplo deve ser evitado por quem não pretende enfrentar problemas. Isso, no entanto, será tema de uma outra postagem. 

Como um petista é pouco, o deputado Nelson Barbudo resolveu colocar mais esquerdista em seu gabinete. No Diário Oficial da União, que circulou no dia 03 maio, consta a publicação da portaria de nomeação de Sônia Aparecida Zoazokamaero Ferreira de Souza para exercer o cargo em comissão de secretária parlamentar. O salário mensal da petista é de R$ 4.058,04. Uma boa recompensa para quem apoiou Hadadd, rotulou Bolsonaro de extremista de direita, fanático religioso e saudosista da ditadura.   

“Obrigado, grande guerreiro, professor”, escreveu Sonia em uma postagem no Facebook. Não, a saudação não foi dirigida ao seu chefe deputado Barbudo. Na mensagem, a moça saúda Fernando Haddad por seu engajamento na causa indígena.

Uma indagação me ocorre: Sonia se converteu ao ideário da direita ou Barbudo se rendeu as teses indígenas defendidas por ONGs e comunistas?

Redação com A Bronca Popular

Compartilhe:

Sobre o Autor

Talvez você também goste

Notícias 0 Comentários

THIAGO MUNIZ FARÁ “MOÇÃO DE APLAUSOS” A ZÉ DO PÁTIO SE ATÉ DEZEMBRO CONCLUIR AVENIDA

A função principal do vereador é fiscalizar e representar, os interesses da população perante o poder público. Neste quesito o vereador Thiago Muniz (PPS) tem sido exemplar. Nesta quinta-feira (17),

Notícias 0 Comentários

O Funeral do PT

A Coluna do Estadão informa que Lula vai discutir, hoje à noite, o futuro do PT com as bancadas da legenda na Câmara e no Senado. A dúvida deve ser

RONDONÓPOLIS 0 Comentários

CAMINHÃO É FLAGRADO ARRASTANDO PLACA DE SINALIZAÇÃO EM RONDONÓPOLIS

O motorista de um caminhão F4000, protagonizou uma cena inusitada no último domingo (24/03) em Rondonópolis -MT. De alguma forma ele rebocou sem perceber uma placa de sinalização escrita PARE