Reprodução AUGUSTO NUNES EXIGE COERÊNCIA E PEDE RETRATAÇÃO DE NELSON BARBUDO

AUGUSTO NUNES EXIGE COERÊNCIA E PEDE RETRATAÇÃO DE NELSON BARBUDO

O deputado federal Nelson Barbudo (PSL), que saiu em uma defesa irrestrita da senadora cassada pelo TRE/MT Selma Arruda (PSL), chegou a deixar o jornalista Augusto Nunes numa saia justa, em novembro de 2018, quando cobrou que o jornalista pedisse desculpas a Selma Arruda por tê-la chamado de “DILMA PANTANEIRA”.


Agora, o jornalista Augusto Nunes, autor do apelido para senadora, que foi desafiado pelo deputado federal Barbudo, a pedir desculpas a Senador Cassada, retornou o desafio ao Barbudo. 


Após a decisão unânime no Tribunal Regional Eleitoral de Mato Grosso (TRE-MT), 7 votos a zero, que cassou os mandatos da senadora Selma Arruda (PSL) e do suplente da vaga, Gilberto Possamai, por omitirem da Justiça Eleitoral despesas de R$ 1,2 milhão na campanha de 2018, configurando caixa dois e abuso de poder econômico, as defesas políticas, e até ideológicas, no entorno do nome de Selma foram enfraquecidas. 
Dessa forma, o jornalista disse que vai ressuscitar o apelido, segundo Augusto Nunes declarou em um vídeo:


“Quem é condenado por 7 a 0, alguma coisa fez. Portanto, eu ressuscito o apelido de “Dilma Pantaneira” e espero o pedido de desculpas do deputado Nelson Barbudo”.

Redação com O Livre

Compartilhe:

Sobre o Autor

Talvez você também goste

Destaques 0 Comentários

Drones iluminam trajetos escuros

Drones iluminam trajetos escuros na Inglaterra, os Fleetlights são acionados via aplicativo e equipados com holofote e geolocalização para conseguirem seguir o usuário mesmo que ele mude seu destino A

LAVA JATO CHEGA AO GOVERNO DO PSDB NO PARANÁ

Primeira ação da Lava Jato em 2018 atinge governo do PSDB no Paraná. Nova fase, batizada de Integração, abre frente no setor de concessões rodoviárias, prende seis pessoas e cumpre

Política 0 Comentários

Janaína Paschoal e Eduardo Bolsonaro batem recorde de votos

Com 2.031.829 votos, professora superou o recorde histórico nas disputas para o legislativo estadual paulista, mas também obteve mais votos do que o campeão para deputado federal, que atingiu 1.814.443