53 candidatos tiraram nota mil na redação do ENEM nenhum de Mato Grosso

53 candidatos tiraram nota mil na redação do ENEM nenhum de Mato Grosso

Em todo país, 53 participantes entre 16 e 28 anos conquistaram nota máxima ao dissertar sobre a 'Democratização do acesso ao cinema no Brasil'

Ministério da Educação (MEC) anunciou nesta sexta-feira (17) que 53 participantes do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2019 obtiveram nota máxima na prova de redação, enquanto outros 143.736 zeraram a avaliação. As notas individuais do exame foram disponibilizadas nesta sexta no portal do Enem (enem.inep.gov.br). A nota média das redações ficou em 592,9.

O tão esperado resultado do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2019 foi divulgado nesta sexta-feira e deixou Minas Gerais com motivos para comemorar. Isto porque, dos 53 participantes que obtiveram nota máxima na prova de redação, 13 deles são mineiros. E por falar em maior parte, elas são a maioria. As mulheres conquistaram a prova de redação e, só em Minas Gerais, foram 11. A maioria dos autores em todo país também é composta pelo sexo feminino (32). outros 143.736 zeraram a avaliação. As notas individuais do exame foram disponibilizadas nesta sexta no portal do Enem (enem.inep.gov.br). A nota média das redações ficou em 592,9.

O tema da edição 2019 foi “Democratização do acesso ao cinema no Brasil”. O texto deveria ser do tipo dissertativo-argumentativo, com até 30 linhas, desenvolvido a partir da situação-problema proposta e de subsídios oferecidos pelos textos motivadores.

A professora de linguagens e coordenadora de redação do Colégio Chromos Janiny Nominato ficou feliz em ver o estado em evidência. “O resultado de Minas Gerais foi o que chamou atenção por ter notas mil em maioria e mulheres na frente”, disse.

O resultado da prova de textos é um contraponto à queda do resultado na média geral das provas este ano. Em 2018, as notas médias haviam crescido em quase todas as áreas de conhecimento. Agora, no Enem 2019, as notas médias caíram em todas elas – com exceção à redação.
“Num geral, foi uma prova tranquila, principalmente para quem estava preparado e por dentro das atualidades”, analisou a professora. “A nota média em Linguagens não teve muita variação, mas geralmente é mais baixa mesmo. Infelizmente é uma realidade no nosso país”, acrescentou.

Dedicação dos alunos

Acima da média nacional, Laura Jardim Nunes, de 18 anos, comemorou quando viu o resultado na tarde de ontem. “Foi um sonho, eu nunca esperava que conseguiria. A ficha não caiu ainda”, disse a estudante de rede particular sobre sua nota 980 na redação. A média da jovem ficou em 758,7, e acredita que a dedicação nos estudos durante o ano passado podem levá-la para a fisioterapia na Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG).

Laura Jardim Nunes, de 18 anos, conquistou 980 na nota da redação do Enem(foto: Juarez Rodrigues/EM/D.A. Press)

Laura Jardim Nunes, de 18 anos, conquistou 980 na nota da redação do Enem(foto: Juarez Rodrigues/EM/D.A. Press)


“Estou feliz e acho que vai dar certo. Escolhi um curso que junta o que eu gosto que é esporte saúde”, disse Laura, que ainda comemorou o resultado feminino na prova deste ano. “Vejo como um símbolo da grandeza feminina. A sociedade sempre nos reduz mas os números mostram nossa dedicação e inteligência. Torço por mais mulheres na faculdade”, vibrou.

A comemoração também ocorreu na casa do estudante Arthur Oliveira, de 17, que pretende fazer dois cursos. Já matriculado em relações internacionais na PUC, o estudante ficou com 920 na redação e 776,44 na média geral, uma nota que pode levá-lo ao curso de direito na Federal.

“Estou com as expectativas positivas. Ano passado a nota de corte foi 772. Esse ano estou esperando uma nota de corte menor”, disse Arthur, que ainda lembrou de sua preparação para a redação. “Acho que fui bem porque durante o ano já tinha testado o tema de acesso à cultura. No Enem teve recorte para o cinema, que é muito importante porque cinema é cultura e conhecimento”, contou o estudante.

Resultado nacional

As notas individuais do exame foram disponibilizadas nesta sexta-feira no portal do Enem. Além de conferir a nota final na página, os participantes terão acesso ao seu número de inscrição, que é imprescindível, por exemplo, para realizar a inscrição no Sistema de Seleção Unificada (Sisu) e no Programa Universidade para Todos (ProUni).

A nota média das redações ficou em 592,9. De acordo com o MEC, 143.736 zeraram a avaliação por conter menos de sete linhas e/ou reproduzir integralmente trechos dos textos motivadores e de itens do Caderno de Questões.

As redações com nota máxima são de estados do Norte, Nordeste, Sudeste e Centro-Oeste. O Rio de Janeiro e Rio Grande do Norte vem abaixo de Minas Gerais com empate no placar:

  • Minas Gerais: 13
  • Rio Grande do Norte: 6
  • Rio de Janeiro: 6
  • Goiás: 4
  • São Paulo: 4
  • Distrito Federal: 2
  • Pará: 2 
  • Piauí: 2
  • Alagoas: 1
  • Bahia: 1
  • Ceará: 1
  • Maranhão: 1
  • Mato Grosso do Sul: 1
  • Paraíba: 1
  • Pernambuco: 1

Também foram anunciadas as médias gerais de desempenho nas quatro áreas de conhecimento exigidas na prova:

  • Matemática e suas tecnologias: 523,1 pontos
  • Linguagens, códigos e suas tecnologias: 520,9
  • Ciências Humanas e suas tecnologias: 508
  • Ciências da Natureza: 477,8

O Exame Nacional do Ensino Médio avalia o desempenho escolar ao final da educação básica. Realizado anualmente pelo Inep, desde 1998, o Enem colabora para o acesso à educação superior – por meio do Sisu, do ProUni e de convênios com instituições portuguesas – e a programas de financiamento e apoio estudantil, como o Fies. Os resultados também contribuem para o desenvolvimento de estudos e indicadores educacionais.

Também foram anunciadas as médias gerais de desempenho nas quatro áreas de conhecimento exigidas na prova. Em Matemática e suas tecnologias, a média geral foi de 523,1 pontos. Na área de linguagens, códigos e suas tecnologias, 520,9. Em Ciências Humanas e suas tecnologias, 508. A média em Ciências da Natureza foi 477,8.

“Entregamos o melhor Enem analógico de todos os tempos, e agora vamos fazer o Enem digital”, afirmou o ministro da Educação, Abraham Weintraub.

Redação com Estado de Minas

Sobre o Autor

Talvez você também goste

Destaques

Por que parlamentares também querem restringir visita íntima dos presos

O governador do Rio de Janeiro, Wilson Witzel (PSC), não está sozinho na defesa do fim da visita íntima no sistema carcerário. Ao menos 15 projetos de lei em tramitação no Congresso Nacional

Notícias

E-MAILS SECRETOS DE DILMA REVELAM CRIMES CONTRA A HUMANIDADE

A ex-­presidente Dilma Rousseff (PT), que sempre foi considerada o cérebro das ações terroristas da Vanguarda Popular Revolucionária (VPR) que foi responsável pelo atentado a bomba contra o Quartel General

Brasil

TEMER DIZ QUE NÃO RENUNCIA: ‘SE QUISEREM QUE EU SAIA, TÊM QUE ME MATAR’

Não admite renúncia nem em reuniões a dois com velhos aliados. Eunício Oliveira teve, na quarta-feira à noite, uma conversa com Temer e abordou, com jeito, a possibilidade de o