VEREADORES DENUNCIAM E MP INVESTIGA PREFEITO DE RONDONÓPOLIS

VEREADORES DENUNCIAM E MP INVESTIGA PREFEITO DE RONDONÓPOLIS

Durante transmissão de uma Live pelas Redes Sociais, suspeitas de irregularidades nas compras feitas pela prefeitura de Rondonópolis através da Secretaria de Educação, se tornaram públicas por intermédio dos vereadores, Rodrigo da Zaeli, Jailton do Pesque e Pague e subtenente Guinâncio.

O MPE (Ministério Público Estadual) instaurou inquérito contra a prefeitura de Rondonópolis para apurar indícios de sobrepreço na aquisição de kits de brinquedos pedagógicos da Mosaico Distribuidora Atacado e Eletrônicos Eireli para a Secretaria Municipal de Educação. A empresa é investigada na Operação Stop Loss, por indícios de recebimento irregular de aproximadamente R$ 597 mil na venda de produtos de limpeza ao município.

Somente no ano passado, a empresa apresentou um balanço líquido de R$ 3,04 milhões.

Conforme o promotor Wagner Antonio Camilo, chegou até ele uma notícia de fato denunciando supostas irregularidades na aquisição dos kits pelo prefeito, através do Contrato 115/2020, “notadamente de possível sobrepreço, ou preços acima daqueles praticados no mercado, de forma que poderia ter sido fraudada a licitação, com a não-seleção de propostas mais vantajosas à administração”, escreveu.

Ele também explicitou que levou em consideração o fato de que “esta mesma Mosaico já é investigada por esta Promotoria de Justiça também por outra aquisição com indícios de sobrepreço em produtos de limpeza contratados com a Prefeitura Municipal de Rondonópolis mediante dispensa de licitação no período da pandemia de Covid-19”.

A contratação foi inclusive suspensa liminarmente pelo TCE (Tribunal de Contas do Estado) justamente devido às irregularidades já demonstradas na compra dos produtos de limpeza. “Face a tal irregularidade, entendo como oportuno e conveniente, portanto, investigar se referida licitação e consequente contratação pode evidenciar a prática de ato de improbidade administrativa causador de dano ao erário e/ou violação aos princípios regentes da Administração Pública”.

Redação com Folha Max

Talvez você também goste

Notícias 0 Comentários

VEREADOR BETO DO AMENDOIM VISTORIA PARQUE DAS MANGUEIRAS

Mais uma conquista do Vereador Beto do Amendoim, o tão sonhado Parque das Mangueiras, localizado no Jardim Primavera, que os moradores da região vêm a anos sonhando será entregue para

Política 1Comentários

GALLI DESMENTE FAKENEWS CUIABANO, NA LATA

Um dos principais sites de notícias da capital mato-grossense veiculou uma matéria sobre a da votação da denúncia contra Michel Temer (PMDB), ocorrida na Câmara Federal nessa última quarta-feira (25).

Notícias 0 Comentários

DODGE ARQUIVA INQUÉRITO DE FAKE NEWS E OFENSAS CONTRA STF

Em manifestação enviada ao ministro Alexandre de Moraes, a procuradora-geral da República, Raquel Dodge, informou o arquivamento do Inquérito 4.781, que havia sido instaurado de ofício pelo presidente do Supremo