Vereador fiscaliza obras de pavimentação asfáltica

Vereador fiscaliza obras de pavimentação asfáltica

O vereador e presidente da Câmara de Rondonópolis, Rodrigo da Zaeli (PSDB), visitou as obras da Avenida Otaviano Muniz e dos bairros Cidade de Deus, Alfredo de Castro e Edelmina Querubim. No bairro Cidade de Deus a pavimentação asfáltica foi concluída e na Avenida Otaviano Muniz a obra está de vento em polpa e logo deve ser finalizada. Já nos bairros Edelmina Querubim e Alfredo de Castro, os trabalhos continuam.

O fiscal da prefeitura, Jesus Rodrigues Garcia, disse que a obra da Avenida Otaviano Muniz está dentro do cronograma de serviço e deve ser entregue dentro do prazo estipulado. “Tudo está dentro do que foi proposto em contrato, tanto os prazos de execução, quanto a qualidade da obra. Cada pista mede 720 metros e terá calçada, meio fio e uma ciclo faixa.

O que preocupa o vereador é que o período chuvoso se aproxima e se até lá as obras não forem finalizadas, as águas vão levar tudo o que foi feito até o momento. “É preciso acelerar, colocar as máquinas para trabalharem, senão todo o trabalho será perdido. Não podemos deixar isso acontecer, pois tem recurso público investido ali. A obra da Avenida Otaviano Muniz está finalizanda, mais há bairros em que foi feita, tão somente, a terraplanagem e isso me preocupa muito”, concluiu o vereador.

Thâmara Carvalho

Assessoria de Imprensa

Sobre o Autor

Talvez você também goste

Saúde

COVID-19 – Morre pastor líder de igreja evangélica em Cuiabá

Morreu o pastor Rubens Siro de Souza, na manhã desta sexta-feira (03), ele era vice-presidente da Convenção dos Ministros das Assembleias de Deus (COMADEMAT), estava internado em uma Unidade de

Polícia 0 Comentários

DEPUTADOS NININHO, BOTELHO, ZECA, WANCLEY E PREFEITO SÃO INVESTIGADOS NA OPERAÇÃO “DÉJA VU”

Os alvos da Operação Déjá Vu, os deputados estaduais Nininho (PSD), Zeca Viana(PDT) e Wancley Charles Rodrigues de Carvalho (PV) e o presidente da Assembleia, Eduardo Botelho(DEM), são suspeitos desvio

Destaques

REFORMA TRIBUTÁRIA|Guedes aperta setor de serviços, por enquanto sem CPMF digital

O ministro da Economia, Paulo Guedes, encaminhou enfim ao Congresso Nacional o que chama de primeira parte da proposta de reforma tributária do governo. A proposta unifica PIS e Cofins,

0 Comentários

Nenhum comentário ainda!

Você pode ser o primeiro a comente este post!

Deixa uma resposta