SEM FAZER A LIÇÃO DE CASA: PREFEITURA DE RONDONÓPOLIS ENVIA PROJETO PARA ABRIR REPRESENTAÇÃO EM CUIABÁ

SEM FAZER A LIÇÃO DE CASA: PREFEITURA DE RONDONÓPOLIS ENVIA PROJETO PARA ABRIR REPRESENTAÇÃO EM CUIABÁ

Enquanto a imensa maioria das  5. 570  prefeituras pelo Brasil, busca conter gastos e alguns municípios importantes fecham os Escritórios  de Representação em Brasília a capital do País.

A prefeitura de Rondonópolis anda na contra mão, e enviou em regime de urgência urgentíssima um Projeto de Lei Nº 173/2018 de sua  autoria para  que a câmara  autorize  a Locação de um  Imóvel,  para sediar o Escritório de Representação do Município de Rondonópolis-MT em Cuiabá-MT por intermédio  da Secretaria Municipal de Governo.

O projeto teve o regime de urgência derrubado, e com pedido de vistas está tramitando pela câmara de vereadores.

Segundo os defensores do projeto é importante que Rondonópolis tenha uma referência na capital do estado, no entanto sabemos que toda essa operação irá  gerar custo aos cofres públicos e na atual conjuntura  uma medida de contenção de despesas seria a mais apropriada.

Nos bastidores comenta-se que talvez a ideia do prefeito José Carlos do Pátio, seja enviar a secretária de infraestrutura Nivia Calzolari e o secretário de Transporte e Trânsito (Setrat) Rodrigo Metello, para que ensinem ao prefeito de Cuiabá e ao governador do estado como conseguem ser ” tão produtivos” em suas referidas  pastas.

O vereador Thiago Muniz (PDT) é contrário ao projeto e explicou que em vários momentos sempre votou a favor dos interesses do município.

Nesta questão tem que  deixar claro que ao invés de cuidar dos problemas do município que são enormes e enfrentando dificuldades nas áreas da saúde, infraestrutura entre outras, o prefeito agora quer gerar custos aos cofres públicos com uma ideia improcedente, de criar o escritório de representação do município em Cuiabá.  Entendo que não é o momento para isso”.

Por enquanto Marreta Neles!

Compartilhe: