DEVOLUÇÃO DE ÁREA VAI SER DELIBERADA EM ASSEMBLEIA DA URAMB

DEVOLUÇÃO DE ÁREA VAI SER DELIBERADA EM ASSEMBLEIA DA URAMB

Acontece neste sábado dia 30 de setembro, a Assembleia Geral da Uramb (União Rondonopolitana das Associações de Moradores de Bairros), com primeira chamada ás 14 horas e segunda chamada ás 15 horas, uma das pautas mais importantes da reunião será a recomendação do Ministério Público com relação a devolução da área onde a Sede da União está instalada.

Mais de 100 Associações de Moradores de Bairros em toda cidade, são filiadas à Uramb, e seus respectivos representantes estarão presentes durante a Assembleia que ainda contará com a presença de representantes da FEMAB (Federação Mato-grossense de Associações de Bairros), na pessoa do Presidente Walter Arruda e Vice-Presidente Hélio Luz. Lideranças políticas e judiciárias do município também foram convidadas, entre elas, o prefeito Zé do Pátio, todos os vereadores e a promotora Joana Maria Bortoni Ninis.

Toda situação foi gerada depois de uma reunião realizada junto à Promotoria de Justiça do Ministério Público do Estado de Mato Grosso em Rondonópolis, onde a Uramb recebeu uma recomendação por parte da Promotora Joana Ninis, para que devolva ao município a área onde se encontra atualmente sediada.

Presente naquela reunião e representando a Uramb, Nilza Maria Nunes Sirqueira – presidente da entidade, disse não entender essa orientação por parte da Promotoria, visto que o imóvel objeto da recomendação, foi doado há mais de trinta e cinco anos. Da mesma forma, Nilza repassou, que a decisão com relação a devolução, será deliberada com toda a diretoria e associações filiadas, durante a Assembleia prevista para o próximo sábado (30).

A associação que funciona junto à Rua Otávio Pitaluga, no Bairro Jardim Guanabara, é registrada como entidade privada há mais de três décadas, exercendo inúmeras atividades junto a sociedade, sendo um “braço direito” dos líderes comunitários. Mesmo com a Deliberação marcada para o final deste mês, grande parte dos presidentes de bairros filiados a entidade, e também membros da diretoria, já se posicionaram contrários a devolução, alegando que a doação foi realizada de forma totalmente legal e não conta com nenhum tipo de vício jurídico.

Segundo Nilza Maria, a Uramb está vivendo um de seus melhores momentos.  “A Uramb vive um dos seus melhores momentos. Recebeu investimentos em sua infraestrutura e está desenvolvendo vários projetos com as comunidades. Temos hoje uma parte da área sem construção, na qual estamos planejando a instalação de uma casa abrigo para as pessoas em tratamento médico e seus acompanhantes, já que a sede está próxima do Hospital Regional, Santa Casa e Hospital do Câncer”, justificou a presidente.

 

Por Wender Dias

 Assessoria

Sobre o Autor

Talvez você também goste

Notícias 0 Comentários

UNICESUMAR LANÇA EM RONDONÓPOLIS MODELO “HÍBRIDO” DE APRENDIZAGEM

A faculdade de ensino a distância Unicesumar lança na próxima quinta-feira (23.11), às 19h30, o modelo “Híbrido” de aprendizagem. O novo método de aprendizagem será aplicado nos cursos de Engenharia,

Destaques 0 Comentários

ARRECADAÇÃO: GOVERNO DE MT COBRA LICENCIAMENTO DE VEÍCULOS EM ATRASO

A Procuradoria Geral do Estado (PGE) inicia na próxima segunda-feira (14) a cobrança dos licenciamentos de veículos que estão em atraso no ano de 2014. Existem cerca de 900 mil

Thiago defende gestão compartilhada na Santa Casa

O deputado estadual Thiago Silva (MDB) defendeu uma força tarefa, por parte da classe política, para evitar o fechamento da Santa Casa de Rondonópolis. O parlamentar foi além e destacou a

0 Comentários

Nenhum comentário ainda!

Você pode ser o primeiro a comente este post!

Deixa uma resposta