Deputado defende redução de mensalidades em universidades e escolas particulares

Deputado defende redução de mensalidades em universidades e escolas particulares

A pandemia do novo coronavírus, responsável pela doença do covid-19, alterou radicalmente a rotina dos brasileiros. Como medida de prevenção a rápida disseminação do viral, governos de estados e prefeitos aderiram as recomendações da Organização Mundial de Saúde (OMS) e do Ministério da Saúde (MS).

Medidas de limitação de circulação de pessoas, de restrição do funcionamento do comercio e de suspensão das aulas na rede pública e privada de ensino foram implementadas para evitar o colapso do sistema de saúde.

Apesar das atividades escolares presenciais suspensas, universidades e escolas particulares continuam cobrando o valor normal das mensalidades. Preocupado com essa situação, o deputado estadual Silvio Fávero protocolou um projeto de lei na Assembleia Legislativa para obrigar que escolas e universidades reduzam em 30% os valores das mensalidades.

Na defesa da viabilidade da proposição legislativa, Fávero argumenta “com as aulas suspensas, as instituições de ensino tiveram redução expressiva nas despesas fixas. A conta de energia despencou, despesas com vigilância, limpeza e outros serviços foram substancialmente achatadas. Não repassar essa redução de custos para os estudantes e seus familiares, com desconto na mesma proporção nas mensalidades, pode configurar enriquecimento sem causa”.

Ainda de acordo com o parlamentar, até mesmo as instituições de ensino que não suspenderam as aulas e passaram a ministra-las à distância, via internet, tiveram redução nas despesas fixas. “Essa redução deve ser repassada para sua clientela”, afirma Fávero.

O projeto do deputado já está em tramitação na Assembleia Legislativa, se aprovado pelo plenário, segue para sansão do governador Mauro Mendes. A microempresária do setor de alimentação Keilla G. Simões, que tem um filho matriculado no curso de direito da Unic/Cuiabá, avalia como o projeto do deputado Favaro como sendo uma iniciativa muito importante. “A redução dos valores das mensalidades não vai comprometer as finanças das escolas e universidades, mas vai garantir um alívio no bolso dos pais”, declarou ela a este site, via mensagem de texto.

A Bronca Popular

Sobre o Autor

Talvez você também goste

RONDONÓPOLIS 0 Comentários

ROTATIVO RONDON “DESRESPEITO” AO USUÁRIO PARTE II

Nos últimos meses o Rotativo Rondon, tem gerado desconfiança da população pelo péssimo serviço prestado principalmente pela falta de respeito no tratamento dispensado aos usuários do estacionamento rotativo. Na sexta-feira

Destaques 0 Comentários

CAMINHONEIROS ARTICULAM PARALISAR CONTRA DECISÕES DO STF

Uma possivel paralisação de caminhoneiros, poderá acontecer em resposta às manobras do STF para enterrar a Lava Jato. Defendida por Ramiro Cruz, que se reuniu com Jair Bolsonaro alguns meses

Destaques

PRF mapeia mais de 300 pontos de apoio nas rodovias federais de MT

Os pontos de apoio nas rodovias federais de Mato Grosso foram mapeados pela Polícia Rodoviária Federal (PRF). Mais de 300 locais com estabelecimentos comerciais em funcionamento foram identificados. O propósito